Você esqueceu como se logar?
Para o acesso do Educando, utilize o Número de Matrícula como Usuário e a Senha cadastrada, ou a data de nascimento (ddmmaaaa). Para o acesso de Pai/Mãe/Responsável, utilize o CPF (sem pontos ou traços) como Usuário e a Senha cadastrada, ou a data de nascimento (ddmmaaaa). Resgatar Senha

Você esqueceu como se logar?
Para o acesso do Educando, utilize o Número de Matrícula como Usuário e a Senha cadastrada, ou a data de nascimento (ddmmaaaa). Para o acesso de Pai/Mãe/Responsável, utilize o CPF (sem pontos ou traços) como Usuário e a Senha cadastrada, ou a data de nascimento (ddmmaaaa). Resgatar Senha

Notícias

Continue vendo em
seu dispositivo móvel:

Depoimento

Depoimento  São Paulo da Cruz

 

 

 

         “Educar hoje em dia, não é tarefa das mais fáceis.                                                   

  Temos as armas oportunistas da sociedade, da mídia e do consumismo apontadas para nós.                                                                                               

       Por outro lado temos que confiar nas armas que estão em nosso poder: o amor, a atenção e o diálogo.                                                 

       Muitas vezes devemos mostrar aos nossos filhos que o mundo não é azul, nem rosa, que a realidade é dura, para que eles se conscientizem que não estamos vivendo no País das Maravilhas e, portanto não somos a Alice. Ensiná-los que os verdadeiros heróis não morrem de overdose, pois são íntegros, dignos e justos. Que os valores importantes e necessários para nossa vida, são os que duram para sempre em nossos corações. Que eles devem ter a crença em Deus e confiar na sua bondade e justiça infinita. 

     Infelizmente vemos pais matando seus filhos e cometendo todo tipo de violência com quem eles deveriam proteger. Vemos, também, filhos matando seus pais ao invés de amá-los e respeitá-los.                                                 

      Existem imaturidade e insegurança em muitos pais. Falta de firmeza, atenção e dedicação para com seus filhos. Muitos não se dão conta dos inúmeros perigos que cercam nossas crianças. Falta o olhar atento e constante, a anteninha ligada 24 horas. A responsabilidade é grande, não estamos brincando de boneca.                                                                                         

         Hoje temos gerações X, Y, Z, sem contar, nos “nem nem”, e penso que poderiam ser classificados como geração “sem”. Sem valores, sem regras, sem princípios, sem hierarquia, ou seja, sem nada. Isso é bem preocupante, pois o que nós vamos deixar para o mundo e que tipo de geração eles formarão no futuro?                                                                                                                     

         Preocupo-me bastante com nossas meninas, talvez por ser mãe de uma e estar sempre atenta aos acontecimentos. Noto a sensualidade, a sexualidade, a maternidade, acontecendo cada vez mais cedo, o comportamento agressivo e até violento e o consumo exagerado de álcool.

       A atenção para com elas deve ser redobrada, a orientação, a educação, os limites. Elas devem continuar sendo “princesas”, corajosas, determinadas, batalhadoras.                                                                                                                     

       Existe receita para realizarmos tudo isso? Mais ou menos... Os ingredientes são passados para nós por vários caminhos. A Escola de Pais foi um deles. Agora depende do modo como cada um vai bater a massa e da qualidade do forno.”

 

 

“Cada criança, ao nascer, traz-nos a mensagem de que Deus ainda não perdeu a esperança nos homens” Tagore

                                

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Outras Notícias

Ver lista completa
 
Sistema Brasília
Mãe da Sta. Esperança
Colégio Passionista São Paulo da Cruz
Av. Tucuruvi, 470 - Tucuruvi - São Paulo - SP
CEP 2304-001
  •   (11) 2991-3111
Delta Tech - Gerenciamento de Conteúdo